Arquivo da tag: trabalho

Expressões de novos tempos

Captura de Tela 2016-04-07 às 23.17.59 cópia

Linha 1 Azul

Entusiasmo. É nesse estado de espírito que inicio o dia após algumas horas de sono. O corpo cansado tem sido vencido pelos pensamentos positivos, pela vontade do novo.

A viagem de metrô – do Tucuruvi à estação São Joaquim – tem servido como um exercício de observação do ser humano. Fica claro, por enquanto, que encerro as jornadas bastante curioso com cada expressão facial colhida naquele espaço público.

Há alguns meses diminuí a carga de trabalho diário por conta da saída de um dos meus dois empregos. A sensação é boa: mais horas de sono e um tempo maior para investir em mim. Aperfeiçoar o segundo idioma e a aposta em nova etapa acadêmica têm me dado um enorme bem estar.

Voltar a fotografar também faz parte dessa nova jornada, apesar de não vislumbrar a Fotografia com viés comercial (não num primeiro momento). Penso em produzir algo autoral, através da observação, do estudo. E observar o mundo ao meu redor faz parte dessa busca por uma (nova?) identidade de expressão artística. As palavras, sinceramente, me fogem. Anseio pela volta da vontade de escrever. Por enquanto, deixo apenas esse pequeno relato de uma nova fase. Sigamos em frente.

 

Deixe um comentário

Arquivado em circunstanciALL

Sampa é demais!

oje saí para trabalhar sem a menor pressa. Toltamente folgado em relação ao horário. De boa. Adiantado. Peguei o 3141 na av. Alvaro Ramos às 10h30 rumo à lida. Ônibus vazio, gente indo trabalhar. Ou não, sei lá.  A certa altura, percebi um zumzumzum na parte traseira do coletivo.  Tinha um sujeito lá, nem aí pra nada nem pra ninguém, cantarolando e observando a paisagem. Normal, nada de mais. Mas eu comecei a prestar atenção e me diverti muito com a “seleção” musical do cara. Ele tava desenterrando muito sucesso popular que eu de alguma maneira ouvi desde a minha infância.  O engraçado é que ele cantava um trecho  muito pequeno da música e já pulava pra outro “sucesso”.  Eu tava tão sem nada pra pensar que consegui memorizar alguns hits. Vamos a eles:

  • Cidadão – Zé Geraldo
  • Águas de Março – Tom Jobim
  • Exagerado – Cazuza
  • Love-me tender – Elvis Presley
  • Vamos fugir – Gilberto Gil
  • O segundo Sol – Cássia Eller
  • Pastor João e a igreja invisível (!) – Raul Seixas

Figuraça, não? Eu não tenho a menor autoridade (nem a intenção!) de dizer se o cara tinha algum “problema”. Mas era uma figura. Isto é fato! É ou não é?

2 Comentários

Arquivado em circunstanciALL